Pesquisar este blog

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

De sentir-se vazio

Sentir-se vazio é pior do que estar cheio de tudo.


Vamos fazer uma viagem pela nossa mente:
O q temos dentro dela?
R: Memórias, pensamentos, planos, idéias, sentimentos...

Pq nos sentimos vazios se sempre temos tanto a fazer, se sempre temos essas coisas na cabeça...???
R: Pq não queremos fazer nada do q temos pra fazer. Queremos inovar, queremos novidade...nosso vazio é o tédio da mesmice.

Faça algo diferente sempre que puder, que seja o caminho pra sua casa...vc acabará descobrindo uma lojinha nova, uma casa bonita, uma goiabeira ótima de pegar suas goiabas.

Certa vez, o amigo certo disse uma frase certa: "De certo que o plano pra sua vida não está funcionando. Sempre acaba tudo igual...se queres um resultado diferente, mude de estratégia, mude sua cartilha...e vamos ver no que dá...o máximo q vai dar é a mesma merda que já deu outrora"

Não há solução para o vazio do ser a não ser o ser diferente.

Em tempo: Perdi a conta de quantas vezes eu já sonhei estar sentado debaixo de uma árvore como essa, no alto de uma montanha, nesta mesma posição, pensando...e pensando...
Pensar é de graça e compensa. Não é perda de tempo, é investimento.

10 comentários:

Anônimo disse...

Nunca me sinto vazia.....essa coisa de prestar atenção em coisas que as vzs a gente vê todo dia mas não nota funciona e também funciona mudar de rua, mudar de caminho, andar do outro lado da rua, por outra rua, ir a pé em vez de ônibus.

Maurício Costa disse...

Não se sente vazia pq fez disso uma prática comum.
Não há como se sentir vazia, se vc sempre tem algo novo pra colocar no lugar...

Obrigado pelo comentário!
;)

º º Maiara º º disse...

Creio que sentir-se vazio é sempre um grande risco quando preenchido com coisas/pessoas erradas. Por isso, vale a pena mudar velhos hábitos, visitar novos lugares e/ou pensar em novas coisas.

Maurício Costa disse...

Exatamente, Maiara, esse é o propósito.
Pessoas erradas sempre podem entrar nas nossas vidas fantasiadas, este q é o perigo.

Um abraço.

Anônimo disse...

Até acredito que mudar pequenos detalhes pode fazer a diferença, desde que não esteja ansioso por essas mudanças. O importante é se permitir tudo sem expectativas de nada,

Maurício Costa disse...

Todo mundo tem expectativas a cada passo q dah.
Ansiedade eh o descontrole da mente...e desse mal eu mesmo tento me livrar ha seculos...rs

:)

Rog�rio disse...

Já pensou em procurar essa árvore? Mesmo que metaforicamente? Mesmo que em seu interior? Vazios nunca estamos, só saber o que e como procurar.
Mudanças são sempre bem vindas.

Anônimo disse...

“Passei muito tempo tentando “suprir meus vazios” até descobrir que o que apertava o meu peito era a quantidade de entulhos emocionais que eu carregava. Eu precisava era do vazio para me sentir internamente arejada e com bastante espaço para crescer. A angústia não é um vazio, é uma corrente que se arrasta. O vazio é uma possibilidade, uma lacuna a ser preenchida, um espaço para uma decoração nova. Precisamos de páginas em branco para que nasçam poemas(…)”
— Marla de Queiroz

Maurício Costa disse...

Claro, rogerio...eh pra lah q eu vou, sempre q posso...rs

Anônimo disse...

“Passei muito tempo tentando “suprir meus vazios” até descobrir que o que apertava o meu peito era a quantidade de entulhos emocionais que eu carregava. Eu precisava era do vazio para me sentir internamente arejada e com bastante espaço para crescer. A angústia não é um vazio, é uma corrente que se arrasta. O vazio é uma possibilidade, uma lacuna a ser preenchida, um espaço para uma decoração nova. Precisamos de páginas em branco para que nasçam poemas(…)”
— Marla de Queiroz